PlayStation 4, Xbox One e Nintendo Switch: O que esperar do futuro da geração atual?

Papo LivreIndústria

E a eterna pergunta: qual aparelho devo comprar?

autor João Roberto
datahora 07/07/2017 às 16:45:42   tagarelices 2

E a eterna pergunta: qual aparelho devo comprar?


Observando friamente, a atual geração de consoles é a mais impressionante nos quesitos processamento ou gráficos. No surgimento do Playstation 4 ou Xbox One, ouviu-se aqui e ali comentários sobre a real necessidade de seus lançamentos, principalmente porque em seu início, vários jogos da geração passada receberam versões remasterizadas, quase como um tapa-buracos, até que algo realmente novo surgisse. Tais comentários até se sustentavam por conta da qualidade excelente dos jogos lançados no fim da vida útil que PlayStation 3 e Xbox 360 recebiam, como The Last of Us e Halo 4, contudo, basta ver um título como Final Fantasy XV, ainda que adiado e lançado posteriormente, ou The Witcher 3, para perceber que havia uma senhora diferença entre a geração passada e a atual.

Halo 4, Xbox 360 (2012)

Com o fim da geração PS3/X360, os consoles PS4 e XOne haviam se estabelecido e seriam objetos de desejo dos gamers nos próximos 8 ou 10 anos, mais ou menos o tempo que duraram PS3 e X360, certo? Bem... Nem tanto.

PlayStation 4 PRO, Xbox One X... Uma geração esquisita

Esta geração, apesar de todo poderio técnico e esplendor visual, parece ter dado um tanto quanto errado. Basta analisar os respectivos (re)lançamentos. Redesenho de consoles é comum, algo feito desde os tempos de NES e Master System, onde as empresas remodelam seus aparelhos para sanar problemas como superaquecimento ou apenas para substituir peças ou mesmo retirar algum elemento do próprio para baratear os custos. Vimos isso com o NES, Master System, PS1, PS2, PS3 e por aí vai.

Master System
O Master System e alguns de seus modelos.

Agora, Sony e Microsoft anunciaram novos modelos que superam as capacidades da geração atual, com o já presente PS4 PRO e o futuro Xbox One X, que promete elevar todo poderio do já poderoso Xbox One. Isso é realmente necessário? Talvez, caso contrário, não o fariam. O PS4 vive um bom momento, liderando com folga as vendas de aparelhos, enquanto o XOne parece estagnado. Grandes jogos foram prometidos e confirmados para o console da Sony, enquanto ainda esperamos que a Microsoft mostre a que veio, principalmente depois de cancelarem jogos que prometiam muito, com Scalebound, além de fechar estúdios internos, como o Lionhead, da série Fable, o que limita suas ações. Além disso, os títulos “mastodônticos” como Halo 5 e Gears of War 4 não corresponderam às expectativas. Resta esperar que o Xbox One X e os títulos anunciados na E3 2017 façam com que a Microsoft se erga.

Um chute torto? Erro de estratégia?

Ao que parece, esta geração foi lançada antes da hora e ainda não estava pronta. Não fosse isso, por que o anúncio do PS4 PRO e Xbox One X? E nem citarei o fato da promessa dos famigerados 4K, reais ou não.Outra escolha estranha é o fato de jogos da linha Xbox saírem também para PCs, na rede interna da Microsoft que une Xbox One e Windows. Levando em consideração que títulos exclusivos levam os consumidores a optarem por marca A ou B, pode-se dizer que um gamer pode muito bem ter um PCque rode os títulos do XOne e um PS4 e, com isso, não há qualquer motivo em optar pela plataforma da Microsoft. Há também a história de que não haveriam mais consoles como conhecemos hoje. A impressão que dá é que Sony e Microsoft perceberam possíveis erros e tentam saná-los enquanto há tempo, mas prometem que os consoles já adquiridos continuarão a receber novos títulos.

E a Nintendo no meio disso tudo?

Bem, a empresa deu o pontapé inicial à geração atual com o Wii U, mas este não trouxe os resultados esperados depois de liderar a geração anterior com o Wii, ainda que não tenha tentado bater de frente com as concorrentes. Erros de estratégia e planejamento à parte, a empresa do Mario e Cia. Lançou o Switch, que está em um ótimo momento, mesmo que inicial. Contudo, apesar de inúmeros jogos anunciados e confirmados para o aparelho, preocupa o fato de empresas com EA não deem suporte total a ele, haja vista o anúncio de um FIFA "customizado", além da falta de títulos como Final Fantasy XV, Call of Duty ou Battlefield. Ao menos houve o anúncio de Pokémon para ele, e nós sabemos o que essa franquia pode fazer.

E agora?

Agora resta esperar que o os anúncios da edição 2017 da E3 deem os frutos certos e torcer por um ótimo futuro para as 3 marcas, afinal, quem acaba ganhando somos nós, jogadores.

* Revisado em 08/07/2017 às 02:27:11

outras tags: Nintendo Switch, Wii U, PlayStation 4 Pro e Xbox One X

Compartilhe

Pin it


Leia também...



2 tagarelices já foram feitas!


e-mail  
nome  
localização  
site  
tagarelice   ativar o editor de texto desativar o editor de texto


E-mail Receba notificações para novas:
  ok respostas      ok tagarelices
  ok publicações

 

  • avatar de Sergio Trajano
    Sergio Trajano
    08/07/2017 às 09:55:19   localizacao Recife-PE
    Fala João!! Tudo bom??

    Gostei muito de sua matéria. Concordo com você quando ao salto gráfico. Sou fã número 01 da saga soulsborne, e vejo como é gritante a diferença gráfica entre os títulos lançados para ps3 e os lançados para ps4, e, embora não seja o aspecto principal, gráficos lindos são muuuuuuuuuito mais memoráveis e extasiantes.

    Quando ao switch, ainda não comprei o meu, porque quando tive a oportunidade de comprá-lo a um preço baixo só tinha zelda pra jogar, então não me atraiu. Estou esperando ele amadurecer, e espero que amadureça bem, pois a nintendo tem todo o meu respeito. Ela sabe criar jogos viciantes e maravilhosos. E essa plataforma híbrida é muito boa pro mundo moderno, porque hoje em dia muitas vezes não temos tempo de ligar o console pra jogar, então basta meia hora de jogatina soberba e suprema no seu switch, deitado na sua cama, e depois aquele sono gostoso. Coisa que console de mesa não proporciona. Eu encaro o switch mais como O SUPER PORTÁTIL DE TODOS OS TEMPOS IMBATÍVEL E SUPREMO.

    Abraço!!

    • avatar de João Roberto
      João Roberto
      10/07/2017 às 10:35:59   localizacao Apucarana - PR
      Fala, Sergio Trajano. Buenas?

      Cara, obrigado.

      "basta meia hora de jogatina soberba e suprema no seu Switch, deitado na sua cama, e depois aquele sono gostoso"

      Eu já faço muito isso com os portáteis daqui de casa. Quando comprar o o Swicth, aí sim considerarei o "O SUPER PORTÁTIL DE TODOS OS TEMPOS IMBATÍVEL E SUPREMO"! (muito boa afirmação! kkkkkkkkk)

      Abraços!

      T+

    Responda!
Acompanhe as tagarelices deste escrito por e-mail
e-mail  

       

fechar
topo Vão Jogar! & TMS criados por Rafael "Tchulanguero" Paes
2008 ~ 2017

versão desktop
topo rodapé