logo Vão Jogar!
logo Vão Jogar! DegustaçãoInjustice: Gods Among Us

Por Um Mundo Mais Injusto!

Análise de Injustice: Gods Among Us - "É um pássaro? É um avião? Não, é o Superman! Fujam!"

autor João Roberto   datahora 12/12/2014 às 08:35:22   tagarelices 14

"É um pássaro? É um avião? Não, é o Superman! Fujam!"


Houve um tempo em que se você perguntasse a qualquer gamer qual era seu jogo favorito, com certeza, em uma eventual lista de "10 mais", haveria ao menos um jogo de luta. E, muito provavelmente, tal jogo seria Street Fighter ou Mortal Kombat. Ou ambos.

Não é preciso dizer que a Capcom, via Ryu, Ken e cia., revolucionou o mercado de jogos de luta, que antes tinha nomes como Pit Fighter ou Boxing (do Atari 2600, Lembra?), fazendo todos olharem para ele esfregando as mãos mostrando um sorriso quase sádico. E, na esteira, vieram pesos pesados como Mortal Kombat, The King of Fighters, Tekken e Virtua Fighter, ou mesmo títulos menores, como Guilt Gear e Soul Calibur. O fato é que foram lançados tantos títulos do gênero - até a Nintendo lançou seu Smash Bros. - que aos poucos ele foi enfraquecendo e perdendo seu apelo. O pior é que mesmo as softhouses não se empenhavam em criar algo novo e empolgante. Quem jogou os títulos de Mortal Kombat ou Street Fighter EX3, ambos lançados para a geração PS2, sabe o que quero dizer. E o tempo foi passando, e os jogos de luta ficando no esquecimento...

Mas não por muito tempo!

Mas não por muito tempo!
Não mesmo, pois no ano de 2008 foi lançado Street Fighter IV, um lindo renascimento para a principal série de luta de todos os tempos e que, mais uma vez, puxou outros títulos na esteira, como The King of Fighters XIII, e o maior rival, Mortal Kombat.

A Capcom até mesmo lançou o 3º episodio de sua famosa série, Marvel VS Capcom. E nem quero lembrar do barulho que se fez com as famosas DLCs e a versão definitiva "Ultimate Marvel VS Capcom 3". Enfim...

O ressurgimento dos jogos de luta em uma geração que parecia não ter mais interesse neles, trouxe ótimas surpresas e talvez a maior delas seja o lançamento de Mortal Kombat, comumente chamado de Mortal Kombat 9 (e eu nem sabia que a numeração tinha alcançado esse dígito). O título é um reboot da série em que toda a história é recontada desde o primeiro torneio, ou seja, Mortal Kombat 1, lançado nos anos 90. E por que ele é tão bom? Simples! O título alia em um excelente modo história, gráficos de ponta com a mesma jogabilidade nojenta, porém viciante, e a adição da novidade mais apreciada, que foram os golpes "Raio X", em que, quando o lutador recebe um golpe, tal feito mostra seus ossos quebrando de maneira impressionante. Muito bom isso!

X-Ray em Mortal Kombat 9
Deve ter doído...

Mas antes do sucesso de MK9, foi lançado Mortal Kombat VS DC Universe, controverso game que reúne Sub-Zero e Scorpion em lutas contra Superman e cia. O chute saiu torto e isso se deu devido ao fato de a DC Comics, detentora dos heróis, não deixar seus escoteiros serem submetidos à aflição dos famigerados Fatalities. Mas a ideia rendeu um fruto. E que fruto...

Tudo é uma questão de disfarce...

Todo mundo que já leu quadrinhos na vida já deve ter se perguntado por que heróis como Superman e Flash dispensam tanto de seu tempo lutando por outras pessoas e deixando suas próprias vidas de lado. Talvez o mais injustiçado seja o Homem-Aranha, que sofre nas mãos dos vilões, dos escritores (principalmente), é o herói mais quebrado de todos, e ainda não aparece nos filmes do Vingadores, mas como ele é da Marvel Comics, deixemos para outra oportunidade, mas basta dizer que, se quisesse, o Superman poderia entrar em um banco e acabar de uma vez por todas com seus problemas financeiros. E olha que ninguém o reconhece com aqueles óculos no rosto. Pois é...

Clark Kent disfarce
Disfarce é isso...

Homem-Aranha disfarce
...Mas prefiro esse!

Voltando ao assunto, o que aconteceria se Superman, o mais poderoso de todos os heróis, se revoltasse e decidisse dominar o planeta? Para responder essa pergunta você deve jogar Injustice: Gods Among Us.

Com coerção e injustiça para todos...

Na história, Coringa, o eterno rival do Batman, passa dos limites e arma um plano para destruir o Homem de Aço, forçando-o a destruir tudo o que é mais importante para ele, além de uma grande surpresa que Lois, sua esposa, lhe contou. Não se preocupem, pois, caso não tenha jogado, não lançarei spoilers aqui, como fiz com o texto de The Walking Dead (Tá, talvez um pouquinho...).

Após os eventos envolvendo o Coringa e Lois Lane, o Superman decidiu tomar as rédeas do planeta, tornando-se o grande vilão da história, inclusive ameaçando todas as grandes potências bélicas - entenda Rússia, Coreia do Norte, Irã, China e Paquistão... Os Estados Unidos não, afinal, você já notou quais são as cores do uniforme dele? Pois é...

Super-Homem VS Coringa
É assim que se faz, Batman!

O resultado é um game que bebe na fonte de Mortal Kombat 9, uma vez que foi produzido pela mesma equipe, e traz a melhor transposição de heróis em um game de luta de todos os tempos, superando os clássicos Marvel Super Heroes, X-Men VS Street Fighter ou Marvel VS Capcom.

Mas por que você o considera tão bom?

Bem, o jogo apresenta belos gráficos, uma boa jogabilidade - que é bem "Mortal Kombat", nojenta mas funcional - uma boa gama de personagens que passa pelo panteão de heróis, como o próprio Superman, Batman e Mulher-Maravilha, heróis menores como o Shazam (que para mim sempre será conhecido como Capitão Marvel, meu personagem favorito dos quadrinhos) e Flash, chegando a vilões como o já citado Coringa, sua namorada(?) Arlequina, Apocalypse e Lex Luthor.

Injustice Capa

Além disso a equipe criativa, a NetherRealm, conseguiu tirar dos heróis já batidos - concorde ou não, o Superman já está na ativa desde 1938, por exemplo - uma história instigante e capaz de rivalizar com clássicos como Cavaleiro das Trevas ou A Piada Mortal. Paralelamente, foi publicada uma série em quadrinhos que conta os fatos não revelados no game e vale muito a pena ser lido, pois mostra a mesma história de um novo ponto de vista.

Mas a cereja do bolo são os golpes de transição e os super golpes - acho que esse é o nome. Golpes de transição são movimentos em que os lutadores são arremessados para outras partes do cenário, expediente já conhecido dos jogadores, mas executado de maneira eficaz. Já os super golpes são movimentos aplicados após encher uma barra que fica na parte inferior da tela - como qualquer jogo de luta dos anos 90, mas que são executados de maneira esplendorosa, capaz de arrepiar quem é e quem não é fã dos personagens dos quadrinhos, afinal, o que dizer ao ser arremessado com um soco para além da atmosfera terrestre?


Ah, vale ressaltar que o modo história do game é totalmente dublado, utilizando, inclusive, as mesmas vozes dos heróis do desenho animado Liga da Justiça, que ainda é transmitido diariamente pelo SBT, e isso garante uma imersão maior na história, já que tudo parece familiar e de uma maneira muito interessante.

Então, caso você esteja procurando um bom game de luta, opte por Injustice: Gods Among Us, mas dê preferência à "Ultimate Edition", que já apresenta todos os extras e lutadores que anteriormente eram disponíveis via download pago.

Agora, se você já tem o game, coloque o disco no aparelho, escolha um lutador, chute a bunda do Superman e Vão Jogar!

Injustice: Gods Among Us
Injustice: Gods Among Us

Série: Injustice
Estúdio: 
Plataformas: Android, iOS, PlayStation 3, PlayStation 4, PlayStation Vita, Wii U, Windows, Xbox 360 e Xbox One

Compartilhe

Pin it


Leia também...



14 tagarelices já foram feitas!


e-mail  
nome  
localização  
site  
tagarelice   ativar o editor de texto desativar o editor de texto


E-mail Receba notificações para novas:     ok respostas      ok tagarelices      ok publicações

 

  • avatar de leandro (leon belmont) the devil summoner
    leandro (leon belmont) the devil summoner
    12/12/2014 às 09:48:05   localizacao Recife-Pe
    eu tenho esse game na Steam. uso o Lobo, Barbara Gordon e a Nevasca para bater no Coringa e no Batman respectivamente. eles são seu saco de pancadas para demais personagens para saber seus golpes.

    desde a Piada Mortal, quero que o Batman, Coringa e Alan Moore vão a....história de doente da @#@#@

    sobre o enredo, não é inédito, acho que baseado num arco onde o Flash morre pelo Lex e o Henry Canvil surta.

    o jogo é divertido (bater no Batman me deixa bastante feliz, lhe digo) e sempre tiro uma horinha para joga-lo.

    Responda!
  • avatar de Rafael Alencar
    Rafael Alencar
    12/12/2014 às 14:06:46   localizacao Fortaleza - CE
    Fala @Joao!

    Eu não joguei essa versão "tradicional", mas vou contar minha experiência com outro (mesmo) jogo.

    Eu lembro que antes (não tenho certeza) de Injustice ser lançado para os consoles uma versão foi lançada gratuitamente para iOS. Eu aproveitei pra conferir essa versão "mobile" no smartphone da minha esposa, já que a versão normal havia me despertado bastante interesse, pois já tinha tido uma experiência muito boa com Mortal Kombat.

    Eu não fazia nenhuma ideia de como a jogabilidade era tão diferente. Claro que o fato de usar uma tela touch já requer certas adaptações, mas o jogo não funciona como um simples jogo de luta.

    Não sei se vc já jogou essa versão "mobile", mas trata-se de um "jogo de cartas". Isso mesmo. ^^

    Existem sim os combates, com certeza. Porém seu personagem possui atributos que podem ser melhorados ao longo da experiência adquirida. Novos golpes, combinações etc.

    Todos os movimentos são executados com instruções semelhantes (pra qualquer personagem) que o jogador deve executar na tela touch, o que faz ser um combate mais "travado", porém não deixar de ser divertido.

    E ele conta com vários desses elementos que vc falou (cenários e super golpes), exceto pelo modo história. Acho que vale a pena a experiência.

    Mesmo eu ainda não tendo jogado a versão tradicional, acho que existe uma coisa que talvez vc possa ter esquecido de mencionar, mas por favor me diga se eu tiver falando alguma m*rda! ^^

    No Injustice existe um lance de arremessar coisas do cenário nos oponentes, coisa que o Mortal Kombat não possuía na versão anterior e só vai incorporar no MKX.

    Ótimo escrito!

    Responda!
  • avatar de Paulo Aquino
    Paulo Aquino
    13/12/2014 às 14:29:09   localizacao São Paulo - SP
    Eu diria que junto do Street Fighter 4, esse jogo veio pra mostrar pro mundo que os jogos de luta não acabaram.

    Particularmente falando, um detalhe que me chama a atenção, digo, que eu noto, é que as frases de vitória dos caras já deixa claro que o ego deles é maior que o universo, parece até Marvel vs Capcom 3. Os caras se sentem até umas horas...
    Mas até justifica o título do game.

    Mas o jogo tem muita coisa bacana que remete a vários outros sucessos do gênero, e a trama expõe uma questão: até onde podemos confiar nos super-heróis?
    Seria válido (tá certo que aí é Marvel) iniciativas como registro de super-heróis?

    Algum dia eu quero jogar esse jogo.

    Responda!
  • avatar de João Roberto
    João Roberto
    14/12/2014 às 09:56:50   localizacao Apucarana - PR
    @ leandro (leon belmont) the devil summoner

    Puxa, meus personagens favoritos são a Batgirl e o Lobo, meu problema é que a versão que tenho não é completa, então, se quiser os extras, terei que comprar...

    Não li nada muito bom depois da Piada mortal, faltou a piada (mortal) e a morte do Coringa aqui... deixo para a próxima!

    Cara, pensando em quadrinhos, não dá para ser original, mas dá para contar de uma maneira diferente as mesmas histórias batidas. E é como você mesmo escreveu, o jogo é tão bom que sempre dá para jogar um pouco...

    @ Rafael Alencar

    Cara, deixei de lado os itens de cenário e achei que ninguém iria lembrar... :P

    Dia desses eu vi meus alunos jogando Injustice no celular e, meu,que gráficos!! Pensei na hora no jogo da "cobrinha" dos celulares antigos ou no Asphalt Urban GT que eu jogava num modelo antigo de Motorola. Só estranhei o fato deles (meus alunos) martelarem a tela do aparelho para desferirem os golpes. Pelo menos os super golpes são realizados com movimentos de Quick time na tela. Muito bom mesmo!


    @ Paulo Aquino

    Cara, o fato deles serem arrogantes pode ser pelo fato de eles estarem em uma realidade alternativa ou por conta da equipe de criação, que os deixou com uma cara mais Mortal Kombat, ai não daria para deixar como em Super amigos...

    Quanto ao registro, bem, eu concordei quando lançaram a minissérie e, inclusive, na época em que tinha até o site "de que lado você está?", eu era pró-registro. Não dá para confiar nos super seres, principalmente porque a polícia e exército sempre são retratados como perfeitos retardados (tirando Jim Gordon e um ou outro).

    Obrigado pelos comentários, pessoal!

    T+

    Responda!
  • avatar de Nivaldo Lorin
    Nivaldo Lorin
    17/12/2014 às 10:34:24   localizacao Apucarana
    @joão pula em casa que eu tenho versão completa em português para o x-box 360, joguei vários jogos de lutas ultimamente este com certeza é o melhor, to 78% do jogo já... to quase lá.

    Responda!
  • avatar de Gamer Caduco
    Gamer Caduco
    17/12/2014 às 12:07:43   localizacao SP
    João, curti o texto! E o jogo também! :D
    Joguei o modo história deste jogo este ano, achei tudo muito bem pensado. Só não curti a dublagem em PT-BR do Batman que ficou menos sombrio do que estou acostumado.
    Quanto ao texto, discordo que o jogo tenha superado Marvel vs Capcom, acho a série muito mais variada no quesito de personagens. O DC Kombat aí ficou muito Mortal Injustice, muito mesmo. Tipo, eu gosto de alguns jogos da franquia (1, 2 e 9... só), mas acho que todo mundo se movimentando igual deixa o jogo as vezes meio sem graça. Dá a impressão de que tanto faz quem vc vai escolher. Diferentemente dos títulos da Capcom que vc se baseia no personagem que vc se adapta melhor (mais rápido, mais forte, mais resistente, mais agarrão, etc). Mas aí é gosto pessoal mesmo, não tem jeito.
    No mais, não sabia da existência de quadrinhos relacionados ao game. Vou procurar isso pra ver algum dia.
    Mais um ótimo post!

    Responda!
  • avatar de Rafael Alencar
    Rafael Alencar
    17/12/2014 às 12:17:26   localizacao Fortaleza - CE
    Mas @Cadu, você falou sobre ter essa impressão de tanto fazer a escolha de personagem no Mortal Kombat? Se for, deve ser só impressão mesmo. Tecnicamente existe diferenciação sim e em todos esses aspectos q vc falou (mais rápido, mais forte, mais resistente, mais agarrão, etc).

    Sobre a história, ainda complementado o que vc falou. Essa parada foi muito elogiada desde o Mortal Kombat e pelo que vcs falam o Injustice não deixou por menos!

    Responda!
  • avatar de sucodelarangela
    sucodelarangela
    17/12/2014 às 13:04:21   localizacao São Luís - MA
    Cara, esse jogo tem muito especial fodástico e finalmente deram a atenção devida ao Aquaman pq, pra mim, ele é um dos melhores personagens daí.

    A primeira vez que vi algo sobre Injustice foi no NerdPlaer, do Jovem /nerd, e como eu ri! Se quiserem assistir, segue o link, é garantia de boas risadas:

    Nunca comprei pq não curto muito jogo de luta... só tenho o MK9 e mesmo assim faz tempo que não jogo...

    Responda!
  • avatar de Paulo Aquino
    Paulo Aquino
    17/12/2014 às 13:45:56   localizacao São Paulo - SP
    Eu podia ter citado também, que, talvez graças aos desenhos Liga da Justiça e Liga da Justiça Sem Limites, o Aquaman passou a ser levado mais a sério, tipo "então os meus poderes são viadinhos?".

    Responda!
  • avatar de João Roberto
    João Roberto
    17/12/2014 às 17:23:51   localizacao Apucarana - PR
    @ Nivaldo Lorin

    Caaaaaaara, e aeh!!!!!!!!!!!!!!!

    Meu xiboca tah no início da vida aqui (quando você comprou o teu, eu me aventurei no Wii, lembra?), por isso tenho poucos jogos nele, e Injustice foi justamente um que eu me empolguei em comprar. como citei, minha versão é a simples, então temos que marcar uma hora para jogar mesmo, gosto bastante da Batgirl...

    Mas, se bem me lembro, você deve estar uma apelação que só vendo.

    Obrigado pelo comentário!!!

    @ Gamer Caduco

    Fala, Cadu!

    Vou responder em duas frentes...

    1ª: Cara, apesar de trabalhar com o Inglês e estar mais do que acostumado com o idioma bretão, depois de todos esses anos nesta indústria vital, eu acho muito legal jogar ouvindo minha própria língua. E nem é para entender a história, como muito afirmam (apesar de ser verdade), é mais porque dá para sorrir e dizer "P@..@, eu existo! Tem jogo localizado em PT-BR". E como ele, são muitos por ai...
    Quanto ao Batman sombrio, acredito (na minha singela opinião), que a ambientação está muito boa, ainda que longe de um Arkham Asylum, e que, por se tratar de um jogo da "Liga da Justiça", não dá para ter o Batman sombrio de sempre. Basta ver os desenhos da Liga da Justiça, são muito bons, mas parece que existe uma "luz" pairando sobre o Batman, que não permite que ele seja como em suas histórias solo...

    2ª: O fato de eu achar que o jogo superou os citados vem do fato de ele não ser apenas uma história, há todo um trabalho fora dele, no caso, a HQ, que visa complementar o arco. A diferença aqui é que Injustice é um universo coeso, onde tudo faz sentido e Marvel Super Heroes, por exemplo, é apenas um Fighting game estrelado por Homem-Aranha e companhia. É bem verdade que ele é baseado na minissérie "Desafio Infinito", em que Thanos usa as jóias do infinito para destruir o Universo Marvel e assim agradar sua amada, a Morte, mas isso não é explicado lá. Pelo menos, não de maneira profunda...


    @ Rafael Alencar

    É isso ai. E acrescento...

    Cada personagem tem sua habilidades, Superman, por exemplo, arremessa qualquer objeto (sabia que isso ia me dar problema, rsrs), enquanto o Batman não, por isso ele explode os carros, ou mesmo abre aquela geringonça para golpear com água o oponente no estágio do Aquaman. Superman tem a força, e é rápido. Grundy, por sua vez, é lento toda vida, assim como Apocalypse. Flash é rápido (é sério? ah, vá...) e os vigilantes de Gotham lutam usando batbuginganagas. Se olhar de pertinho, vai ver que é tudo balanceado e diferenciado. Mas ainda assim, longe de um Virtua Fighter, mas ai já é querer demais...

    @ Ângela

    Hah! Eu nunca tinha visto esse vídeo, mas ri muito aqui...

    Quanto ao Aquaman... ele sempre foi pacato e bonzinho, tipo o do desenho dos Superamigos. Essa panca Badass que você se refere foi uma reformulação lá na metade dos anos 1990, em que todo herói que se prezava tinha que fazer cara de mal e fazer mais mal do que bem, vide o (anti-herói) Justiceiro, O Batman (Azrael) ou Spawn. Bem, não citei nenhum herói, então, tem o Lanterna Verde Hal Jordan que, depois que sua cidade foi destruída nos eventos do Retorno do Super-Homem, destruiu toda a Tropa dos Lanternas Verdes e virou o Vilão conhecido como Parallax. Já o Aquaman teve sua mão devorada, deixou de fazer a barba e decidiu que não seria mais aquele herói bonzinho fedendo a peixe. E no lugar de sua mão, passou a utilizar um arpão. Muito legal, mas nunca gostei dele...

    @ Todos

    Obrigado pelos comentário, pessoal!
    Vida longa e próspera!
    @ Paulo Aquino

    Fala fi. Blz?

    Cara, acho que, mais ou menos, te respondi no comentário anterior, uma vez que o Aquaman do desenho citado faz referência aos personagem reformulado, e não à sua versão boazinha, certo?

    Responda!
  • avatar de Rafael "Tchulanguero" Paes
    Rafael "Tchulanguero" Paes
    17/12/2014 às 19:12:09   localizacao Vespasiano - MG
    Caramba, havia esquecido de tagarelar aqui... tá foda, não estou conseguindo acompanhar nem o meu próprio site, rzs.

    Eu vou falar que gostei bem mais de Injustice do que de Mortal Kombat, achei um jogo mais dinâmico e menos amarrado. Mas na boa, é um jogo de luta que está muito, mas muito atrás de uma Street Fighter por exemplo. É aquela mesma coisa de sempre, os combos meio manjados e depois que você vê todos os especiais, perde mais a graça ainda. Tanto que não animei comprar ele até hoje e nem sei se o farei.

    Não vi nada do modo história, só joguei na casa de amigos no modo Versus, mas em jogos de luta isso definitivamente não me atrai.

    Ah sim, o Coringa é o personagem mais mamata de todos, é o que dá para fazer as melhores sequencias.

    E poxa, como você me esquece de citar Tatsunoko Vs Capcom, o jogo que trouxe de volta a série VS da Capcom? Rzs.

    Valeu João, abraço!

    Responda!
  • avatar de sucodelarangela
    sucodelarangela
    19/12/2014 às 20:37:51   localizacao São Luís - MA
    @João, eu acho que gosto dele pq meio que gosto de tudo relacionado ao fundo do mar. mas ele devia ficar com o arpão mesmona mão, é mais badass!

    Responda!
  • avatar de João Roberto
    João Roberto
    20/12/2014 às 18:58:14   localizacao Apucarana - PR
    Com certeza!! Nunca gostei do Aquaman, mas quando reformularam o personagem passei agostar de ler. Pena que não é mais assim...

    Olha essa imagem clássica:

    url imagem: static.legiaodosherois.com.br/wp-content/uploads/2014/08/aquamanbeard1.jpg

    Muito fera! Melhor do que isso...

    url imagem: static.fjcdn.com/comments/Yup+aquaman+is+a+badass+all+right+_4e551cc86ae20e291ec2d95954e1a041.png

    Bem "Super", não é? rsrs

    Responda!
  • avatar de Gamer Caduco
    Gamer Caduco
    30/12/2014 às 12:34:27   localizacao SP
    Não é explicado mesmo, eu não sabia! hahaha
    E verdade quanto ao Batman dentro da Liga da Justiça, não tinha parado pra pensar nisso. Parei de ter bronca da voz do Bátima depois dessa! hehehehe! Obrigado por me fazer superar a bronca... kkkk

    Responda!
Acompanhe as tagarelices deste escrito por e-mail
e-mail  

       

fechar

Parceiros & Links

52|Marvox Brasil|http://marvoxbrasil.wordpress.com|As formas mais variadas do universo dos games e vídeogames em um só lugar. Matérias, detonados, curiosidades, podcasts e vídeo-análises. Leia o Blog MarvoxBrasil e desperte o gamer em você!§47|Arquivos do Woo|http://arquivosdowoo.blogspot.com.br|De tudo um pouco na medida certa.§58|Videogames com Cerveja|http://www.vgscomcerveja.com.br|Videogames com Cerveja é um blog sobre games, cujo o principal objetivo é compartilhar experiências "videogamísticas" (tanto na jogatina quanto no colecionismo)! Então não espere encontrar muitas notícias ou reviews detalhados sobre games por aqui!§43|My Detonation|http://mydetonation.blogspot.com.br|O blog do grande Trevoso, sobre o que ele joga, jogou e quer jogar, com indicações de downloads e vídeos.§61|Nação Cucamonga|http://nacaocucamonga.blogspot.com.br|A cultura do terceiro mundo esmagando a do primeiro.§42|Gamer Caduco|http://gamercaduco.wordpress.com|Histórias de um gamer que está cada vez mais próximo de caducar de vez.
logo
Vão Jogar! - Um site que aborda a cultura dos videogames com seriedade e bom humor.
Vão Jogar! & TMS criados por Rafael "Tchulanguero" Paes - 2008 ~ 2017
topo rodapé