logo Vão Jogar!
logo Vão Jogar! Papo LivreMiiverse

Um réquiem ao Miiverse

Você era uma rede social estranha e chata, mas nós gostávamos de você.

autor Rafael "Tchulanguero" Paes   datahora 24/11/2017 às 09:29:21   tagarelices 3

Você era uma rede social estranha e chata, mas nós gostávamos de você.


Quando o Wii U foi lançado, eu tive a ligeira esperança de que a Nintendo finalmente estava atentando para várias questões de interface e conectividade que eram sofríveis no Wii, ainda que da maneira um tanto quanto torta dela. Ao longo do tempo muita coisa não ficou muito bem resolvida, o que acabou empurrando vários tópicos para o Switch, mas existia um aspecto bem interessante no console, a despeito do ceticismo de muitos: o Miiverse.

Não que a ideia de ter uma rede social própria vinculada a um console seja algo revolucionário, mas sempre que a Nintendo se propõe a fazer algo isto gera uma certa curiosidade nas pessoas, há um charme diferente nos produtos da empresa, e o Miiverse se encaixava perfeitamente nessa ideia. Ainda que tecnicamente ele nunca tenha passado de uma espécie de misto entre Facebook e Twitter, a ideia de ter uma comunidade em torno dos jogos, permitindo a troca de ideias e experiências entre os jogadores, sempre foi algo atraente, ainda mais quando isto estava acessível diretamente durante as sessões de jogo.

Tela do backup do Miiverse
Tela do Miiverse no backup fornecido pela Nintendo após o encerramento do serviço, com uma interface idêntica a versão web da rede social.

Mas infelizmente as coisas não foram tão legais assim

Eu sempre abracei a ideia do Miiverse, e confesso que a princípio fui muito ativo na rede, mas em seu lançamento era óbvio que se tratava de um produto inacabado. Não havia um aplicativo para dispositivos móveis, o que nunca veio a acontecer, e as versões web e de 3DS só vieram um bom tempo depois. Aliás, nunca entendi o motivo de usuários do 3DS não terem a capacidade de fazer solicitações de amizade aos usuários do Wii U. A interface e recursos também eram muito simplórios, o que só foi melhorado em atualizações posteriores, com maior organização das comunidades, e o acréscimo de itens básicos, como um diário do jogador e álbum de imagens, ainda que com diversas restrições. Falando nisso aliás, as restrições impostas se estendiam a várias coisas, como um limite de comentários que uma publicação podia receber ou as parcas 30 publicações diárias permitidas. Ainda corria o risco de você ter a sua publicação moderada pela administração, que já marcou forçadamente uma tela de "The End" que publiquei como spoiler, mas que nada mostrava, além de não permitir que eu escrevesse a palavra "bobo" na minha descrição de perfil. A ideia de um ambiente amigável e seguro para toda a família era levada ao extremo... até demais.

Céu azul com nuvens e a frase "The End"
Exatamente esta tela foi considerada spoiler, do jogo The Legend of Zelda: Wind Waker HD.

Outro grande problema com o Miiverse, que ao menos no meu caso foi o fator decisivo para o abandono da rede, era a sua lentidão e burocracia ao acessá-lo. Em um primeiro momento, quando se pensa que tudo o que se tinha que fazer para compartilhar uma imagem ou escrever algo sobre um jogo era apertar o botão home do GamePad e clicar no ícone do Miiverse, parece besteira reclamar. Mas não importa o quão rápida era a sua internet, o processo sempre era algo lento, além das diversas camadas para se chegar a opção desejada. Ainda que muitos jogos tivessem o recurso de postar diretamente da própria interface e exibissem as publicações de amigos, esse com certeza é um dos motivos que mais desmotivou os jogadores a serem mais ativos por lá. Claro, a pequena base instalada do Wii U, principal plataforma de acesso a rede, colaborou bastante no processo como um todo.

Mesmo assim vai deixar saudades

No entanto, apesar de todos os defeitos, o tal charme da Nintendo ainda se fazia presente na rede social em toda a sua existência. Com a utilização da tela de toque do GamePad, muitos jogadores exploraram o seu lado artístico em diversos desenhos incríveis quem se espalhavam por todas as comunidades. Isto estava não somente presente na rede em si, como na integração dela com os jogos, como nas inusitadas mensagens nas telas de loading de Yoshi’s Woolly World ou nas diversas piadas que era possível ver na praça central de Splatoon. Isso sempre me causou uma espécie de "aproximação assíncrona" com outros jogadores, mesmo durante minhas partidas em modo solo. O próprio ato de ligar o console e ver ali os comentários de outros jogadores na Wara Wara Plaza já me gerava esse sentimento.

Tela de loading de Yoshi’s Woolly World, onde uma mensagem "Gabi Papai te ama" é exibida
Esta tela de loading me surpreendeu durante minhas partidas em Yoshi’s Woolly World, com um pai deixando uma mensagem carinhosa para sua filha.

Alguns agentes externos também tornaram a rede social algo ainda mais especial, como a conta de Twitter Bad Miiverse Posts, que coletava postagens digamos, estranhas, feitas nela. Ainda que contivesse vários defeitos, o Miiverse sempre movimentou as pessoas de alguma forma, seja através de piadas ou até mesmo grupos e amizades que se formaram por ali.

Obrigado por tudo, Miiverse, mesmo que você tenha me banido 5 vezes por fazer amigos e mencionar a palavra "website".

Infelizmente a Nintendo decidiu não dar prosseguimento ao Miiverse no Nintendo Switch. Embora o novo aparelho tenha um forte apelo com a questão das redes sociais, contando inclusive com um botão dedicado a capturas de telas e até mesmo a criação de vídeos curtos, assim como Sony e Microsoft, a empresa resolveu direcionar os jogadores à redes já estabelecidas, como Facebook eTwitter. Porém algum legado da rede social ainda está presente no novo console, como o compartilhamento de postagens dentro de Splatoon 2, simulando o que acontecia no primeiro jogo no Wii U.

E ainda que seja compreensível o rumo tomado, de encerrar um serviço criado para um console que esteve muito distante do sucesso, a reação dos jogadores, que se propuseram desde manter um histórico online da rede até mesmo a compartilhar as suas histórias nela, só deixa claro que o Miiverse provavelmente será um daqueles produtos que apesar de todos os seus tropeços, será lembrado sempre com carinho por aqueles que a ele dedicaram alguns momentos.

Mosaico formado por diversos posts do Miiverse, com um Mii feminino dizendo "Thank You"
R.I.P Miiverse
* 18/11/2012
+ 08/11/2017

Compartilhe

Pin it


Leia também...



3 tagarelices já foram feitas!


e-mail  
nome  
localização  
site  
tagarelice   ativar o editor de texto desativar o editor de texto


E-mail Receba notificações para novas:     ok respostas      ok tagarelices      ok publicações

 

  • avatar de João Roberto
    João Roberto
    24/11/2017 às 16:24:29   localizacao Apucarana - PR
    Bacana. É uma pena que eu cheguei bem no fim, mas passava um bom tempo vendo postagens e procurando comunidades. É uma pena que foi encerrado, mas como você mesmo escreveu, é compreensível.

    Eu gostava de postar alguns desenhos que eu fazia no 3DS, mesmo que ruins, rsrs, mas como não sou muito fã de redes sociais, acabei deixando de lado e fui abrir novamente somente quando soube do fim do serviço...

    Agora, restrições por restrições, sei que não tem nada a ver com o tema, mas fiquei bem chateado por uma bobeira da Nintendo. Eu comprei Mario Kart 7 digital no 3DS que morreu e acabei comprando um 2DS e não pude recuperá-lo através da minha conta. Vasculhei a internet e soube que tinha como recuperá-lo se eu enviasse um email explicando minha situação. Bem, fiz isso e fui atendido por emails, mas não consegui de jeito nenhum. Acabei desistindo e comprando outro jogo físico.

    Eu não sei dizer, mas no Switch isso é mais amigável?

    Valeu! T+

    • avatar de Rafael "Tchulanguero" Paes
      Rafael "Tchulanguero" Paes
      29/11/2017 às 11:34:03   localizacao Vespasiano - MG
      É um pouco mais de boa, já que agora há um sistema de contas mais robusto. O único problema é que não tem como você ficar alternando entre consoles, mudou para um, não pode voltar para o anterior.
    • avatar de João Roberto
      João Roberto
      30/11/2017 às 05:31:32   localizacao Apucarana - PR
      Entendi... Bem, pelo jeito já melhorou, mas um dia eles chegam lá, rsrs Valeu!

    Responda!
Acompanhe as tagarelices deste escrito por e-mail
e-mail  

       

fechar

Parceiros & Links

47|Arquivos do Woo|http://arquivosdowoo.blogspot.com.br|De tudo um pouco na medida certa.§43|My Detonation|http://mydetonation.blogspot.com.br|O blog do grande Trevoso, sobre o que ele joga, jogou e quer jogar, com indicações de downloads e vídeos.§58|Videogames com Cerveja|http://www.vgscomcerveja.com.br|Videogames com Cerveja é um blog sobre games, cujo o principal objetivo é compartilhar experiências "videogamísticas" (tanto na jogatina quanto no colecionismo)! Então não espere encontrar muitas notícias ou reviews detalhados sobre games por aqui!§52|Marvox Brasil|http://marvoxbrasil.wordpress.com|As formas mais variadas do universo dos games e vídeogames em um só lugar. Matérias, detonados, curiosidades, podcasts e vídeo-análises. Leia o Blog MarvoxBrasil e desperte o gamer em você!§61|Nação Cucamonga|http://nacaocucamonga.blogspot.com.br|A cultura do terceiro mundo esmagando a do primeiro.§42|Gamer Caduco|http://gamercaduco.wordpress.com|Histórias de um gamer que está cada vez mais próximo de caducar de vez.
logo
Vão Jogar! - Um site que aborda a cultura dos videogames com seriedade e bom humor.
Vão Jogar! & TMS criados por Rafael "Tchulanguero" Paes - 2008 ~ 2017
topo rodapé