logo Vão Jogar!
logo Vão Jogar! EsculachoRed Dead Redemption

Red Dead Deception

Análise de Red Dead Redemption - O GTA do Far West!

autor sucodelarAngela Caldas   datahora 21/03/2014 às 12:13:04   tagarelices 34

O GTA do Far West!


Nota do editor: contém spoilers sobre o enredo de Red Dead Redemption.

Eu não gosto de GTA. Na verdade, eu não suporto GTA, quem me conhece sabe bem disso. Por mais que eu ame jogos open world, eu também amo enredo e personagens cativantes, e nesses últimos dois quesitos o Grand Theft Auto falha epicamente. E se eu não tenho nenhum desses dois, pra mim trata-se de um jogo que não vale a pena.

E antes de perguntarem se eu já joguei GTA, a resposta é sim. Já tentei jogar todos os GTAs existentes (com exceção do 5), mas nenhum deles tocou meu coração. Tentei jogar o máximo que pude, mas não avancei mais que algumas horas até chegar ao ponto de querer gritar de tanta angústia pela ruindade do jogo. E assim começa meu pé atrás com a Rockstar. Admito que fiquei com um tremendo preconceito pela empresa só por causa desse jogo e, por isso, nunca havia tentado jogar alguma outra coisa que viesse dela. BTW, também nunca gostei de Max Payne.

E é aí que entra Red Dead Redemption na história. Várias pessoas já haviam recomendado o jogo, mas meu preconceito com a Estrela do Rock nunca me deu ânimo para continuar. Resolvi comprar o jogo depois que alguns grandes amigos me falaram o quanto a trama era profunda e o quanto John Marston era foda. "Ok, vou te dar uma chance, Red Dead." Antes que me crucifiquem de qualquer forma (coisa que já sei que estão fazendo), tenham em mente que eu fui bem open minded em relação ao jogo e realmente tinha a intenção de gostar de algo da Rockstar (na verdade, ainda tenho... depende do L.A. Noire).

Pois bem, o jogo já começou me decepcionando um pouco com a atitude de Marston em Fort Mercer, quando ele decide enfrentar - sozinho e com uma pistola - seu ex-parceiro de crimes, Bill Williamson, e seus comparsas, armados com espingardas e rifles, e acaba ficando à beira da morte, sendo salvo por Bonnie MacFarlane, uma fazendeira que conhece muito mais da vida do que um suposto temido ex-membro de gangue, mas tudo bem.

Bonnie MacFarlane
A única personagem realmente foda de RDR.

Eu juro que, quando isso aconteceu achei que seria algum flashback de tempos mais remotos onde Marston ainda seria um tanto quanto inocente, mas ao longo do jogo você vê que ele já está na vida de crimes desde muito cedo. Ou seja, tem chão o suficiente pra saber o tipo de gente com quem lidava e que a vida é dura e não mudaria só porque ele, um dia, decidiu ser bonzinho. Fui ignorando isso por enquanto.

A partir daí o jogo vira um grande tutorial. Você vai aprender a cavalgar, a fazer serviços noturnos (não pensem besteira) para ganhar alguns trocados, a domar cavalos, a guiar rebanhos, enfim, toda essa coisa gostosa monótona de homem do campo. O mais interessante e realmente útil desses tutoriais é o uso do Red Eye, que é igual ao Bullet Time de Max Payne: você vê as coisas temporariamente em câmera lenta e tem a chance de mirar e fazer alguns bons headshots. Domar cavalos é algo que você só precisa fazer no começo e no fim do jogo porque as missões pedem isso. Você já começa o jogo um cavalo super rápido e bonito, que você pode fazer respawn sempre que quiser. Guiar rebanhos? Também só no começo e no final do game, praticamente, então são coisas que não mereciam tanto tempo perdido assim.

RDR / The Sims

Várias das "missões principais" iniciais são esse tipo de serviço, e nada de PEW PEW PEW! É tanta enrolação que a história demora DEMAIS pra se desenvolver. O mais sem noção dos tutoriais é um que surge logo quando você chega ao México, depois de várias horas e situações o suficiente para ficar craque no PEW PEW e mesmo assim o jogo insiste em te colocar num tutorial de tiro! Fala sério? É muita encheção de linguiça, Rockstar!

Além disso, o mapa do jogo é gigantesco, bem sandbox mesmo. Eu amo mapas gigantes, mas isso é algo bom apenas para locais que tenham realmente o que ser visto e o que possa ter interação. Os mapas de RDR são apenas terra, mato e algumas porções d’água, exceto quando você chega no fim do jogo e vê algumas paisagens com neve. Em GTA é válido ter mapas tão amplos porque você tem toda a dinâmica de uma cidade, tem o que ver, vistas a apreciar. Assassin’s Creed idem. Até inFamous que zerei por último. Você tem interação com a cidade. Em RDR o mapa inteiro é uma fonte infinita de tédio. Alguns estranhos para ajudar aqui ou ali (que geralmente te mandam cavalgar quilômetros por quase nada), alguns animais que você pode caçar ou deixar de lado e alguns cavalos que você pode querer domar ou não.

Mapa geral de RDR
Não se enganem, esse mapa é realmente gigantesco.

E essa questão de cavalgar é muito tensa. O jogo tem um sistema de viagem rápida, seja utilizando seu acampamento ou os cocheiros, mas raramente você vai poder usá-las nas missões principais, pois na maioria das vezes você tem que acompanhar alguém, e algumas dessas cavalgadas duram cerca de 10 minutos para chegar a algum lugar, e isso pra mim é muito tempo pra perder só andando à cavalo sem fazer nada. O jogo possui um sistema de bounty hunter onde você pode pegar cartazes e ir atrás de criminosos procurados. Você ganha recompensas por capturá-los vivos ou mata-los, sendo as capturas bem mais recompensadas. Mas pra isso, você tem que laçar o bandido e coloca-lo na traseira de seu cavalo, e assim percorrer o mapa até o Xerife mais próximo - que apesar do nome, nem sempre estão próximos - e você não pode fazer a fast travel nesse caso. Paciência mandou lembranças!

Além disso, outra coisa que te faz perder tempo demais no jogo é que Marston é um cara burro demais. Ele confia o tempo todo nas pessoas erradas, que só trazem mais confusão para a vida dele e que só levam ele a sério quando ele - depois de muita burrice e frustração - aponta a arma para eles e ameaça matá-los. E olhe lá! Vi ele ameaçando os personagens praticamente em todo encontro, e mesmo assim os outros debocham dele, fazendo-o de besta e se aproveitam dele para tudo. Sim, estou falando de West DICKens, o velho charlatão que se aproveita da cabeça dura de Marston e quase o leva à morte em todos os seus encontros... Irish é outro: vive bêbado e mal lembra da cara de Marston, só o ajudando sob ameaças de morte.

Depois de muita enrolation, você chega a uma das poucas partes do jogo que prestam: o ataque à Fort Mercer em busca de Bill. É a primeira vez que você vê ação de verdade no jogo, com bastante PEW PEW PEW! O problema é que você passou tanto tempo fazendo coisas inúteis e sendo enganado que, quando finalmente chega ao destino de Bill, rá, ele já fugiu pro México FAZ TEMPO!

Marston / Caetano
Caetano só te olha...

Marston também tem sérios problemas de julgamento que também me irritaram bastante no jogo. Quando você chega ao México, há uma briga entre o governo e alguns rebeldes que querem acabar com a ditadura do Coronel Allende. Aí você tem John agindo como um duas caras vira-folha, ora ajudando o exército a matar dezenas de rebeldes, ora ajudando os rebeldes a matar dezenas de soldados, e ainda assim, ninguém o reconhece, ninguém o persegue, ninguém o julga por absolutamente nada. Marston é simplesmente invisível - e irracional também, pois age para ambos os lados sem nenhuma vez se questionar se o que ele faz ou deixa de fazer é certo ou errado, apesar de estar sempre julgando os outros. Resultado? Ser traído pelo ditador (o que já era extremamente previsível) e ser salvo por um triz pelo líder dos rebeldes.

Juntando o tempo absurdo perdido com The Sims tutoriais de fazenda e as cavalgadas, você tem a sensação de que o jogo não flui. A impressão que eu tenho é que Red Dead Redemption é exatamente como CSI (sim, a série investigativa). Muito comumente em CSI, você tem um crime com vááários suspeitos e o episódio inteiro se trata das investigações que não levam a lugar algum em 80% do episódio. Perto do final, parece que a direção do episódio diz "Cara, tá acabando o tempo, a gente tem que resolver logo tudo", e então eles decidem fazer o culpado se render para a polícia ou eles descobrem quem é o culpado por algo totalmente desconexo, simplesmente porque não há mais tempo para resolver tudo coerentemente. Esse é Red Dead Redemption: você tem que capturar ou matar três caras (Bill, Escuella e Dutch), mas você passa metade da vida útil do jogo para conseguir pegar o primeiro. Como você já rodou mais que bolsa de prostituta e já perdeu tempo DEMAIS no jogo, a Rockstar te premia com Bill e Escuella praticamente ao mesmo tempo. Pouquíssima coisa acontece entre uma captura e outra. Nada que valha a pena, na verdade, só mais do mesmo.

Bill, Dutch e Escuela
Bill, Dutch e Escuella.

O resto do jogo se resume à Marston voltando pra América e indo para Blackwater para ser literalmente humilhado pelos agentes federais e para caçar seu ex-mentor, Dutch. Em determinado momento do jogo, mais precisamente nas últimas missões, você tem a chance clara e óbvia de meter muitas balas em Dutch usando o Red Eye. Mas como se já não bastasse todas as idas e vindas desnecessárias do jogo, uma a mais ou a menos não ia fazer diferença, certo? Errado. Você captura Dutch, os agentes do governo finalmente libertam sua esposa e filho e você volta para sua fazenda para reencontrá-los e finalmente ver os créditos finais brincar de casinha com seu filho, ensiná-lo a caçar, a guiar rebanhos e capturar uns cavalos com o tio (sim, tudo de novo).

Bom, depois de todo o inferno que os agentes do governo fizeram na sua vida por causa da sua gangue, era uma das duas conclusões: a mais fantasiosa, onde o jogo terminaria com todos vivendo felizes para sempre como num conto de fadas, ou a realista, onde - todos nós sabemos - o governo iria atrás de John também, afinal, ele é tão culpado e criminoso quanto os demais. Visto que o jogo não terminou onde deveria caso fosse usar o happily ever after, já dá pra imaginar o que aconteceu. Pelo menos isso, um final realista e o filho de Marston justificando a decepção redenção do título do jogo.

Talvez Red Dead Redemption tivesse sido um filme interessante. Ele possui o mesmo enredo clichê de vários filmes Hollywoodianos (afinal, quantos filmes existem onde a família de alguém é capturada como forma de chantagem?), porém é monótono enquanto jogo, cansativo de jogar e com personagens nada carismáticos: protagonista burro (não no sentido divertido), esposa sem graça, filho palermão, um punhado de bêbados e charlatões, e a única personagem que prestava no jogo ficou esquecida mais da metade dele - Bonnie MacFarlane.

Bug a la N64
Sdds, Nintendo 64!

Aí vocês me perguntam se não houve nada no jogo que eu tenha gostado. Sim, gostei da Bonnie e gostei do bug que me lembrou o Somari Nintendo 64! Os gráficos são bonitos, com expressões faciais muito bem feitas... Mas adorei mesmo foi a trilha sonora, ela é digna de um bom filme de faroeste e encaixou muito bem no clima do jogo. O momento mais épico dela é logo quando você chega ao México, e cavalga rumo ao pôr do sol ao som de Far Away - para mim a melhor música do jogo.


Se eu tivesse terminado de jogar Red Dead Deception antes, teria colocado ele na minha lista de decepções de nossa última butecada, porque eu nunca mais jogo essa merda!

E jogo de faroeste é Sunset Riders!

* Revisado em 20/10/2016 às 13:57:49

Red Dead Redemption
Red Dead Redemption

* . . . .  O jogo possui tutoriais em excesso ao longo de todo o gameplay, algo que se torna extremamente maçante pela quebra de ritmo da jogabilidade. Os mapas são grandes demais para a premissa do jogo, tendo muito chão para pouca atividade. A narrativa do jogo é lenta e com missões que não fazem sentido à urgência do foco principal de Marston, que toma várias atitudes que podem ser consideradas como perda de tempo e até como burrice por parte do personagem principal. RDR demoraria menos da metade do tempo se o enredo focasse no motivo principal da saga de Marston e o restante do jogo é encheção de linguiça.
Avaliado no PlayStation 3
(entenda o nosso sistema de notas)


Série: Red Dead
Estúdio: 
Plataformas: PlayStation 3 e Xbox 360
1

Compartilhe

Pin it


Leia também...



34 tagarelices já foram feitas!


e-mail  
nome  
localização  
site  
tagarelice   ativar o editor de texto desativar o editor de texto


E-mail Receba notificações para novas:     ok respostas      ok tagarelices      ok publicações

 

  • avatar de Gamer Caduco
    Gamer Caduco
    21/03/2014 às 12:46:22   localizacao SP
    Putz, engraçado, eu sempre escuto falar bem desse jogo, mas nunca tive vontade de encará-lo. Acho que pq não sou lá muito fã dos jogos da Estrela do Rock (adorei isso! kkkk) também. Confesso que joguei toda história do GTA: San Andreas e achei até que OK, mas em muitos momentos pensei em desistir. Respeito bastante os jogos da empresa, mas acho que não foram feitos pra mim.
    Lendo seu post, cheguei à conclusão que eu definitivamente NUNCA vou jogar esse jogo.
    Já começa com a parte The Sims (adorei isso também! huauahuauha) que eu quero distância
    Depois vem as cavalgadas infinitas sem fast travel em muitos casos? Tô fora!
    E, pra piorar, vc ainda comparou com CSI, algo que eu particularmente não consigo entender.
    Ou seja, começa com tutorial chato longo, o gameplay é monótono e cheio de chatices, o enredo parece forçado e o personagem principal é "cê é burro, cara!".
    Na boa? Não vou jogar! Obrigado, Çaçina! Tirou no carrinho um dos jogos da minha lista gigantesca de coisas a jogar!!
    Epa, peraí... inFamous tem mapa aberto? Eu achei que fosse linear! Ihhh, já vi que vou evitar esse também... kkkkkkkkkkkkkkkkk
    Pra fechar: jogo de faroeste É Sunset Riders! Assino embaixo!
    Muito bom o texto, nunca fiquei tão contente de ter lido spoilers... huahuahuauhauhahuahua

    Responda!
  • avatar de Gabriel Telles
    Gabriel Telles
    21/03/2014 às 14:00:05   localizacao PR
    Eu até li concordando com as críticas negativas do início do jogo, e isso mesmo. O jogo é muito tedioso no início, só que nem a pau que ele melhora só na parte o forte. Antes disso já estava rolando cenas de ação esplendidas, o que você descreve é: Você vai fica 4 horas jogando no rancho-5 minutos de ação no 1º forte - Mata Dutch - Acaba o jogo. O QUÊ?! SÉRIO ISSO?!?! ACONTECE CENAS DE AÇÃO INCRÍVEIS ANTE DISSO. "O mapa não é deslumbrante"?!?! O mapa do Red Dead humilha o do Infamous logo no início quando você chega na primeira cidade fora do rancho. Basta ver como é detalhado o deserto, os animais que rondam, as pessoas trabalhando, embriagando e lutando, mais os detalhes das casas da região. Se você queria um paisagem no DESERTO, é essa: O nada. Cactos, clima seco, chão rachado e alguns animais que se viram na região. Devo lembrar a parte norte do mapa? Onde não é deserto? Com (quase) toda certeza você não se deu o trabalho de explorar todo mapa, apenas fez as missões principais levadas na coxa para pod fazer alguma analise, isso é claro, se de fato jogou, por que como você descreve a história, parece que leu todos os spoilers no wikipédia, viu as principais partes em gameplay no youtube, e caiu fora.

    " e com personagens nada carismáticos" ...E a Terra é o centro do universo.

    E ainda tem a cara de pau de dizer que o jogou com "mente aberta".

    Creio que, como você jogou o jogo e analisou de forma negativa, creio que essa crítica a sua analise você verá também. Porém, saiba que em 85% de sua análise está correta, é verdadeira e eu ainda concordo, principalmente esse início, que é hilariante.

    Responda!
  • avatar de Ulisses Seventy Eight
    Ulisses Seventy Eight
    21/03/2014 às 14:18:33   localizacao São Paulo
    Seu comentário foi bem sexista e feminista.

    É um bom jogo porém cansativo demais.

    Eu concordo que Sunset Riders é muito bom, Wild guns também e um arcade chamado West Story manda lembranças.

    Não tenho vontade de jogar ele pq um amigo meu falava demais desse jogo e já o encerrou.

    Enfim a Rockstar e seus jogos polêmicos, acho que o único não violento deles é o table tennis.

    Mas continue com suas opiniões e até mais.

    Responda!
  • avatar de Ricardo Niclas Lopes
    Ricardo Niclas Lopes
    21/03/2014 às 16:58:07
    Puxa, eu adorei tanto esse jogo, adorei o mapa gigante, adorava a sensação de pegar o cavalo e simplesmente sair na chuva ouvindo os sons do jogo e me deparar com uma execução. e o final é putaquipariamente triste.
    mas é nessas horas que a gente vê como tudo é questão de gosto. na minha lista de Top 3 dessa geração:
    1 Dark Souls
    2 Metal Gear 4
    3 Red Dead Redemption

    Responda!
  • avatar de Rafael "Tchulanguero" Paes
    Rafael "Tchulanguero" Paes
    21/03/2014 às 18:19:36   localizacao Vespasiano - MG
    @Gabriel Telles

    Liberei sua tagarelice, mas é bom maneirar nos ataques pessoais a quem escreve, aqui não é casa da sogra.

    @sucodelarAngela

    Depois comento com calma ;)

    Responda!
  • avatar de Reginaldo
    Reginaldo
    21/03/2014 às 18:34:00   localizacao Minas Gerais
    E aquele Red Dead redemption,onde tem zumbis?Dissem que é bom!

    Responda!
  • avatar de sucodelarangela
    sucodelarangela
    21/03/2014 às 19:34:46   localizacao São Luís - MA
    @caduco

    Eu realmente não te vejo jogando RDR, acho que não é o tipo de jogo que você gostaria mesmo. O jogo é extremamente cansativo e repetitivo, just like GTA, cara.

    @Gabriel Telles

    Cara, eu joguei todo o jogo. Me desanimei, me animei, me desanimei e cheguei no fundo do poço de tanto desanimo. Quem me conhece, sabe muito bem que eu não falo ou deixo de falar de um jogo se eu não joga-lo (mas claro, isso não se aplica a voce). Opiniões divergem, gostos divergem. Eu nao tenho culpa se voce achou maravilhoso ficar vendo sempre as mesmas paisagens, tendo que cavalgar infernalmente demais pra chegar em algum lugar. Eu nao gostei. E só. Fiz muitas missões secundarias, mas isso não muda a repetitividade e monotonia do jogo. Percorri bastante o mapa, até porque eu tentava quebrar um pouco as rotas automáticas que o jogo me dava, então nem sempre estava na estrada, eu percorria campos e outras rotas também. Participei das jogatinas e, sinceramente, me diverti muito mais sentando numa mesa de poquer ou blackjack, apesar da Mecânica lenta das jogatinas também. E não foi cara de pau dizer que joguei de mente aberta, eu joguei mesmo, mas não deu. A única pessoa que achei carismática no jogo foi a Bonnie, que infelizmente sumiu e só reapareceu um pouquinho no fim. De qualquer forma, não sou obrigada a gostar desse jogo porque voce e seus amigos, ou MEUS amigos gostam, então se voce se ofendeu com o que leu, me desculpe, mas não te obriguei a ler. Enfim, mesmo assim, obrigada pela visita e, quem sabe, até a próxima.

    @Ulisses Seventy Eight

    Sexista porque, cara? Só porque eu chamei o Masrton de burro? Huahuahuahua
    Wild Guns também era excelente, mas não me trouxe tantos bons momentos como Sunset Riders!

    @Ricardo Niclas Lopes

    Pois é, gosto vem de das um. Sei que muita gente amou esse jogo, mas nao desceu pra mim.
    Dark Souls eu nunca joguei, só tenho o Demon’s, mas um dia pegarei ele. mGS4 está na minha lista de compras também!

    @Tchula

    Já imaginava esse tipo de reação, huahuahua. Mas aí, esse tipo de comportamento já é historia pra outro post! Aguardo teu comment, boss!

    @Reginaldo

    O meu RDR era o GOTY, e veio com o Indead Nightmare, mas eu me decepcionei tanto com o jogo que nem quis experimentar. Vendi logo.

    Obrigada a todos! ^_~

    Responda!
  • avatar de Paulo Aquino
    Paulo Aquino
    22/03/2014 às 00:38:04   localizacao São Paulo - SP
    Um jogo mal-planejado, que abusa dos tutoriais, o próprio Marston tem (pra mim) tanta personalidade quanto um assento de privada (o cara precisaria de mapa pra somar dois mais dois...), tem um vergonhoso juízo de caráter...

    E classificar este artigo como sexista só porque foi dito que a única personagem que prestou nesse barato foi a (sub-aproveitada) Bonnie MacFarlane?

    Eu mesmo já não jogaria esse treco porque é da Rockstar.
    Que faz a broxante série GTA (e que ninguem me peça pra jogar GTA).
    E ainda por cima um jogo que nem RDR exigiria uma paciência de Jó.

    Pra mim, não só eu concordo com a Sucodelarangela, eu ainda acho que, da forma como o jogo foi planejado, e até executado, tá praticamente um Plumbers Don’t Wear Ties...

    Responda!
  • avatar de sucodelarangela
    sucodelarangela
    22/03/2014 às 11:27:08   localizacao São Luís - MA
    @Paulo Aquino

    Obrigada pelo comentário-complemento pro meu escrito. Realmente, resumindo tudo, é isso mesmo que você falou!

    Responda!
  • avatar de Sekto
    Sekto
    24/03/2014 às 12:11:17   localizacao São Luís-MA
    Esse jogo nunca me chamou atenção mas sempre ouvi (li) muita gente falando bem, e sinceramente é a primeira vez que vejo alguem falando mal :P O que dá pra tirar disso é que se trata de um jogo pra um público só.
    Tem jogo que dá pra homem, mulher, criança, adulto, etc.
    Mas penso que esse é um jogo pensado pra quem é fã de GTA, e como esse tem muitos fãs,é natural que gostem desse outro também.
    Eu não gosto de GTA e depois dessa crítica agora mesmo que não quero saber de RDR, não por simplesmente falar mal do jogo, mas por conter coisas insuportáveis em um gameplay pra MIM.
    Valeu sucodelarangela.
    Quase que tu ganhava teu PEW PEW PEW! aqui rsrs

    Responda!
  • avatar de Rafael "Tchulanguero" Paes
    Rafael "Tchulanguero" Paes
    25/03/2014 às 01:18:23   localizacao Vespasiano - MG
    Aew, finalmente tirei um tempinho para tagarelar antes de dormir, rzs.

    Olha, eu ainda continuo com vontade de jogar RDR. Apesar de também não ser fã de GTA, ele tem todo esse climão de filme de faroeste, que é algo que eu curto pra kct... e eu gosto de andar a cavalo em jogos, gostei em Shadow Of The Colossus e fiquei triste de em Zelda: Skyward Sword terem sumido com a Epona.

    No final das contas eu acho que é questão de gosto mesmo. Não que eu tenha achado os seus pontos inválidos, mas é quando algo nos agrada fica mais fácil de fazer vista grossa para certos defeitos, rzs. Aliás, pode ser que no futuro eu jogue e acabe concordando com tudo 100%, vai saber, olha eu surfando na onda da expectativa :P

    No mais, parabéns pela pol... pelo escrito, he he he. Ah, eu adoro Max Payne :D

    Responda!
  • avatar de sucodelarangela
    sucodelarangela
    25/03/2014 às 12:46:48   localizacao São Luís - MA
    @Sekto

    Também acho que a Rockstar faz seus jogos todos baseados e o mais parecido possível com GTA no quesito jogabilidade, infelizmente. Querendo ou não, é o que deu dinheiro pra ela e GTA é seu caça-níqueis, assim como AC é caça-níqueis para a Ubisoft (mas continuo amando). Comprei porque me disseram que o enredo valia muito a pena, mas depois que vi o quão cliché é, me decepcionei bastante... eu aguentaria uma jogabilidade "marromeno" se a história me prendesse...

    O PEW PEW PEW passou de raspão aqui, huahuahuahuahuahauuauahua

    @Tchulanguero

    Andar à cavalo em jogos é algo bem relativo. Andar à cavalo em RDR é até tranquilo, mas as distâncias a serem percorridas são muito cansativas e monótonas. Em Shadow of the Colossus, por mais que você cavalgue bastante à procura deles, você tem todo um carinho em relação a Agro, e a exploração é um fator-chave do jogo, diferente de RDR que não teria essa necessidade toda, podendo abusar do fast-travel. Em Assassin’s Creed 1 digo o mesmo. Nos outros Assassin’s Creed também há o cavalo, mas aí já era escroto demais você ter que andar à cavalo em cidades com ruas estreitas, tortuosas e lotadas de gente... Em Zelda, assim como em SotC, creio que quem fala mais alto é nosso carinho por Epona e suas cenourinhas. No Super Mario a gente tem o cavalinho Yoshi, mas ele é bem útil, come bichos, pode ser sacrificado para saltos maiores, huahuahuahua... resumindo: o cavalo é relativo.
    Mas, mais uma vez, concordo que pode ser mesmo questão de gosto. Eu ainda prefiro Sunset Riders e Wild Guns!

    Ah! Valeu pelo aviso de spoiler no começo do escrito... tenho que criar um banner ou algo assim, huahuahua

    Responda!
  • avatar de Rafael Alencar
    Rafael Alencar
    25/03/2014 às 14:09:54   localizacao Fortaleza - CE
    Me dê os créditos pelo título desse escrito viu! Adorei! Haha!!

    Bom, pra não esticar muito a mesma "lenga lenga" de sempre q vemos por aí quando esse tipo de coisa acontece (ir ao contrário do q todos esperam), tenho pouco a dizer.

    Tu apontou vários fatos do jogo e isso é o q se espera de pessoas com juízo e estas mesmas pessoas também têm a obrigação de encarar os fatos e aceitá-los quando apresentados, ou seja, tu apresentando e eu aceitando. xD

    A única e simples diferença é que esses fatos não foram suficientes para que eu tivesse a experiência negativa que tu teve e é aí que entra o fator interesse (ou gosto) que depende de cada um de nós. Se o jogo não nos desperta interesse ou não nos agrada, não há o que fazer.

    Se tu teve uma experiência ruim, é lamentável (ou não dependendo do teu ponto de vista).

    Ótima análise Sukita. (como sempre)

    Responda!
  • avatar de sucodelarangela
    sucodelarangela
    25/03/2014 às 15:09:52   localizacao São Luís - MA
    @Vuduuuuu

    Saudade de tuuuuu!

    Cara, é o seguinte: tu já admitiu que não consegue achar nenhum jogo ruim (e acho que devia ser canonizado por isso), então não faz sentido tu dizer que meus fatos não foram suficientes pra você desgostar do jogo, porque fato nenhum vai te fazer desgostar de algum jogo, bro, hauhauhauhuahua

    Mas eu te entendo. E sei que tu me entende! ♥

    Brigada pela visita!

    Responda!
  • avatar de Rafael Alencar
    Rafael Alencar
    25/03/2014 às 18:04:06   localizacao Fortaleza - CE
    Haha!! É.. tem isso também.. ^^
    Mas te digo mais: é dificil eu não achar um jogo ruim mesmo, mas nao significa q muitos deles não me decepcionaram e um bom exemplo é o aclamado The Last of Us.

    Responda!
  • avatar de Rafael "Tchulanguero" Paes
    Rafael "Tchulanguero" Paes
    26/03/2014 às 01:07:58   localizacao Vespasiano - MG
    Ow, não, você não entendeu: eu realmente gosto de andar a cavalo a esmo em jogos, hwa hwa hwa. Já liguei o Twilight Princess no Cubo, só para abrir o meu save com tudo completo, e dar um rolé pelo campo de Hyrule, rzs.

    Hwa hwa hwa, pois é, eu já acostumei, mas não precisa judiar dos leitores :P

    Responda!
  • avatar de sucodelarangela
    sucodelarangela
    26/03/2014 às 13:56:26   localizacao São Luís - MA
    @Vudu

    Decepcionou, mas não achou ruim =P

    @Tchulanguero

    Saquei, saquei... agora quando tu disser que tá sem tempo pra alguma coisa posso entender que você estava vadiando nos cavalos? huahuahua

    Responda!
  • avatar de Rafael Alencar
    Rafael Alencar
    26/03/2014 às 17:22:40   localizacao Fortaleza - CE
    Isso mesmo, pq são duas coisas completamente diferentes. ^^

    Responda!
  • avatar de Marvox
    Marvox
    26/03/2014 às 20:42:25   localizacao São Paulo/SP
    Quando eu comprei meu Xbox 360 veio o Red Dead Decep... digo, Redemption rsrs joguei ele muito, fui longe no jogo, é bom conhecer, mas ele não me animou, nem é por isso que eu largo o jogo, claro que não, mas apesar de gostar muito dos jogos da Rockstar, pra mim jogar algo dela é como participar de uma zuera com a galera do fundão, mas um jogo com a temática como a de Red Dead eu ainda prefiro Gun ou OutLaws.

    Responda!
  • avatar de Rafael "Tchulanguero" Paes
    Rafael "Tchulanguero" Paes
    26/03/2014 às 22:38:46   localizacao Vespasiano - MG
    Na verdade, ultimamente eu estava velejando:

    url imagem: pbs.twimg.com/media/BiLCExvCUAIETZ6.jpg

    :P

    Responda!
  • avatar de sucodelarangela
    sucodelarangela
    27/03/2014 às 08:03:08   localizacao São Luís - MA
    @Tchulanguero

    I know the feeling... :)
    url imagem: gamefreaks.co.nz/wp-content/gallery/black-flag-review/assassins-creed-iv-black-flag-5.jpg

    Responda!
  • avatar de Rafael "Tchulanguero" Paes
    Rafael "Tchulanguero" Paes
    30/03/2014 às 20:30:14   localizacao Vespasiano - MG
    Hwa hwa hwa, nesse eu não cheguei ainda. Aliás, estou pensando seriamente em botar um Windows para rodar em um HD que está dando bobeira por aqui, só para jogar algumas franquias via Steam. Vou ter que fazer um esforço pra jogar no PC, mas por enquanto tá mais fácil (leia barato) do que arrumar um PS3 :P

    Responda!
  • avatar de sucodelarangela
    sucodelarangela
    31/03/2014 às 07:57:40   localizacao São Luís - MA
    @Tchula

    Mas tá esperando o que pra jogar no PC?
    Eu não gosto, mas...
    Se bem que o Mano me falou que dá pra fazer umas tretas pra jogar no PC com o Dualshock, ainda vou experimentar. Baixei Hell Yeah!, mas jogar no teclado é um sofrimento.

    Responda!
  • avatar de Rafael "Tchulanguero" Paes
    Rafael "Tchulanguero" Paes
    01/04/2014 às 00:16:27   localizacao Vespasiano - MG
    @sucodelarangela

    Pois é, vamos ver no que vai dar, rzs. Mas vou ver se coloco o Classic do Wii mesmo pra rodar no PC, prefiro.

    Responda!
  • avatar de Destruidor
    Destruidor
    24/04/2014 às 15:56:40   localizacao Inferno
    caramaba como pode profanar contra o melhor jogo da geração GOTY hahahaha

    Responda!
  • avatar de sucodelarangela
    sucodelarangela
    25/04/2014 às 13:32:44   localizacao São Luís - MA
    @Destruidor

    O jogo não desceu mesmo. Achi muito ruim, muito tosco, huahuahuahua

    Responda!
  • avatar de Brunno dos Santos
    Brunno dos Santos
    07/01/2015 às 20:40:53   localizacao São Paulo
    Putz!! Sério que você não curtiu?!?!
    Eu ainda vou voltar aqui pra ler todos os comments... mas esse foi o jogo que me fez voltar a gostar de jogar video games!

    Eu parei lá atras no 64, quando depois de vários anos comprei um PS3. Joguei alguns jogos sem me animar muito, até que caiu no colo esse (na minha opinião) jogão!

    Vale lembrar que não gosto de GTA e não gosto do tema western e mesmo assim, pra mim, esse é um jogos mais fodas que joguei no PS3!

    Depois de terminar esse jogo fiquei maluco atras de jogos parecidos ahahahaha

    Acho que foi um dos jogos que mais me imergiu no mundo dele. Eu adorava sair pra cavalgar com calma pelo imenso deserto, caçar, conversar com o pessoal, caçar bandidos.... tudo era muito mágico!! hahahahaha

    Bom, gosto é gosto! So parei pra comentar pois aqui foi o primeiro lugar que vi gente falando mal do jogo! Você e alguns nos comentários! :)

    Responda!
  • avatar de Gabriel Simões
    Gabriel Simões
    07/01/2015 às 23:29:47
    Várias afirmações aí me parecem incorretas, como se você tivesse feito um mero Speedrun, sem nem ver ou prestar atenção nos detalhes. Parece até que está falando de outro jogo.

    Sobre domar cavalos não ser necessário, claro que pra você não foi, já que tem a versão GOTY que já vem com o cavalo mais rápido do jogo pra facilitar né... Se não fosse um caso, seria muito necessário ir atrás de um Hungarian Half-Bred ou um American Standardbred (que são difíceis de achar, capturar e domar)

    Até agora tô tentando entender também o motivo de você ter pulado diretamente para a parte do México e ter ignorado todas as missões nos Estados Unidos antes disso, inclusive muitas missões com muito "pew pew pew" em exércitos e mais exércitos de pessoas. A maioria esmagadora das missões é literalmente você deitar uma multidão de gente. Acho que você pegou o save muito adiantado pra considerar que tiroteio só acontece em Fort Mercer antes de fugir pro México.

    John Marston só ajudou as pessoas por pura necessidade. Quando você não sabe onde está sua mulher e seu filho e ainda mais 3 bandidos que sacanearam com você na época da gangue (que você só quer matá-los e se vingar, por isso o motivo de John ter garoteado no início do jogo) e você conhece alguém que possa te dar qualquer informação numa época que não tinha um Foursquare ou coisa do tipo pra saber, não tem nem como ficar julgando se tal pessoa é boa ou ruim ou se você está sendo meramente usado ou não. É uma questão de necessidade extrema. Se pá, desespero. Pra quem tá olhando por fora é muito fácil falar mesmo quem está sacaneando e quem não está. E ainda por cima John ajudando o governo a se livrar desses criminosos que eles tanto queriam fora do mapa, pra que melhor pro governo ? Não acho que John tenha sido burro por isso. O cara tinha suas necessidades também. Ele apenas ajudou quem podia ajudá-lo de volta. Nada mais além disso.

    Sobre o mapa, ele realmente é vazio, mas sério que você NUNCA viu nenhuma situação acontecendo na estrada ? Sério mesmo ? Nunca viu bandidos arrumando uma situação pra te fazer descer do cavalo e tentarem te matar pra te roubar ? Ou nunca viu bandidos fugindo do carro de transporte de presos ? Ou um cara pedindo ajuda para não ser morto por uma Puma ? Ou então um pessoal caçando pássaros ? Ou então o mero ato de sentar numa fogueira e ouvir histórias ? Ou então simplesmente ser interrompido no meio do Fast Travel com bandidos tentando roubar a carroça ? E os fortes de gangues que podem ser invadidos depois a qualquer momento pra matar todos os bandidos ? (aí, mais "pew pew pew")
    O mundo não é esse tédio todo, tem muita coisa acontecendo.

    Sobre a quantidade excessiva de tutoriais e missões de fazenda, nota-se o extremo exagero de sua parte. Essas missões e tutoriais acontecem só no início do jogo (são literalmente 7 missões com a Bonnie). Depois só no meio temos um tutorial com Landon Ricketts e depois acabou, não tem mais tutorial de novo. Que exagero foi esse ? Até parece que o jogo todo é lotado de tutoriais.

    Não sei nem porque eu escrevi isso por ter certeza que não vai adiantar de nada mesmo, mas me senti na necessidade de comentar isso tudo porque realmente fiquei com duvida se você jogou mesmo Red Dead Redemption, porque vi tanta coisa totalmente ao contrário do que acontece no jogo nesse texto que realmente acho que é de outro jogo que se refere.

    Pra finalizar, Red Dead Redemption é fantástico demais, foi bem útil numa fase bem conturbada de minha vida. Me ajudou a me recuperar e me manter de bem com as coisas por uns 4 anos mais ou menos. Viver a vida em Red Dead Redemption realmente é algo mais, coisa que nenhum outro jogo do mundo já fez pra mim. E com certeza é o melhor jogo da Rockstar, o mais bem construído, o mais bonito, o mais bem feito, com a história mais complexa, o mais difícil...
    É simplesmente Fantástico.

    Responda!
  • avatar de Brunno dos Santos
    Brunno dos Santos
    08/01/2015 às 00:51:39   localizacao São Paulo
    Gabriel, tenho certeza que ela não pego um save adiantado ou nada disso. Ela pode ter passado batido por algumas coisas? Isso eu acho que pode, mas conhecendo essa moça sei que ela jogou o jogo inteiro antes de sair escrevendo.

    Mas seus pontos sobre o jogo são validos, concordo com todos eles ;)

    Responda!
  • avatar de sucodelarangela
    sucodelarangela
    09/01/2015 às 18:05:06   localizacao São Luís - MA
    @Brunno dos Santos

    Não mesmo, não desceu. E eu só joguei ele até o final porque sabia que, se não jogasse e falasse que não gostei, as pessoas iam me dizer que eu não tinha o direito de falar isso tudo dele.

    Você parou no 64 porque? Mesmo sem consoles, eu ainda tentava jogar o máximo que podia por emuladores, mas é bem chatinho jogar no PC.

    E uma coisa: falar a verdade não é falar mal, huahuahua! Abraços!

    Responda!
  • avatar de sucodelarangela
    sucodelarangela
    09/01/2015 às 18:10:07   localizacao São Luís - MA
    @Gabriel Simões

    Só esclarecendo, eu NÃO fiz speedrun, eu PRESTEI atenção nos detalhes sim (claro que pode ter passado algo, sou humana) e eu demorei um bocado pra finalizar porque também fiz várias das sidequests, não fui correndo só pela principal, não.

    Eu utilizei outros cavalos, eu cacei muitos outros cavalos, mas enfim, é um saco. É muito chato caçá-los e treiná-los. Não é difícil, é maçante.

    E como eu disse lá em cima, eu fiz várias das missões, eu joguei desde o começo do jogo, eu não peguei save adiantado, fiz muitas sidequests nos EUA, mas o jogo só vai ter algo que preste depois do Mexico.

    O foda da gente escrever sobre um jogo é que sempre vai aparecer alguém falando que você não jogou direito, não fez isso ou aquilo, só porque essa pessoa gosta do jogo que você não gostou. E infelizmente, você está fazendo isso exatamente agora. Não sei se não aceita o fato de eu não ter gostado do jogo, mas eu passei SEMANAS jogando ele DO INÍCIO AO FIM, e não gostei. Simples assim. Não conhecia o jogo, não tinha save deles, experimentei de tudo e não desceu. Achei o jogo ruim, MESMO, muito ruim, sem graça, com missões repetitivas, cenário gigante sem interação e história fraca com personagem principal morto. É minha opinião depois de ter jogado SEMANAS, não foi coisa de 2h, um trecho ou vídeo de gameplay no youtube, não. E joguei esse jogo até o final justamente pra evitar que fãs do jogo, como você, viessem me dizer exatamente o que você disse. Se não fosse somente por isso, nem teria chegado ao fim. Vendi o jogo logo que terminei.

    Quanto ao mapa, sim, você anda de um extremo ao outro do mapa e encontra 2 situações ou caça animais. Você não interage com mais nada, é só terra e mato. É chato. Me perdoe, mas é muito chato, sem falar que tem muita coisa igual nesse meio termo.

    Os tutoriais não são só com a Bonnie, com mais de 2/3 de jogos completos você vai aprender a fazer Bullet Time... tudo tem um tutorialzinho nesse jogo, por menor que seja.

    Eu não sei porque fãs de RDR, ou de qualquer outro jogo, não aceitam quando alguém não gosta do tal jogo... Isso só gera situação chata, não vai fazer ninguém mudar de ideia e, na boa, você vir me dizer que eu não joguei RDR desde o começo e que peguei save avançado é até uma ofensa pra mim, porque eu não faço análise de jogo nenhum se não finalizar. Sério. Desculpe se você se chatear com minha resposta, mas eu me chateei e e ofendi com as suas indicações de que eu não prestei atenção e/ou não joguei RDR apropriadamente ou por completo. Abraço.

    Responda!
  • avatar de Brunno dos Santos
    Brunno dos Santos
    09/01/2015 às 20:11:37   localizacao São Paulo
    @sucodelarangela eu parei no 64 porque comecei a tocar guitarra e esqueci video games por um tempão :)

    Voltei só no PS3! :D

    E só uma observação sobre o que você respondeu para o Gabriel, onde disse que não entendia pq as pessoas não aceitam que você fale mal dos seus jogos. Eu não ligo que ninguém fale mal da grande maioria dos jogos que gosto. Mas tem alguns que eu sempre fico triste de ver que alguem não gostou, como por exemplo: RDR, Ocarina of Time, Uncharted ou Mass Effect e mais alguns. Esses jogos, na minha opinião, são de excelência inquestionável hahahahha

    Mas entendi todos os seus pontos do post, você se sente com RDR da mesma forma que me sinto com GTA. E meus amigos ficam bravos por eu não gostar de GTA.

    Anyway! Grande abraço :)

    Responda!
  • avatar de Luciano Bandeira
    Luciano Bandeira
    04/05/2017 às 17:09:42   localizacao Campo Grande
    Comecei a jogar essa bosta e desisti.. jogo ruim, enjoativo!

    • avatar de sucodelarAngela
      sucodelarAngela
      05/05/2017 às 07:52:04   localizacao São Luís - MA
      Você resumiu todo o meu texto nessa frase. :)

      Abração!

    Responda!
Acompanhe as tagarelices deste escrito por e-mail
e-mail  

       

fechar

Parceiros & Links

61|Nação Cucamonga|http://nacaocucamonga.blogspot.com.br|A cultura do terceiro mundo esmagando a do primeiro.§43|My Detonation|http://mydetonation.blogspot.com.br|O blog do grande Trevoso, sobre o que ele joga, jogou e quer jogar, com indicações de downloads e vídeos.§42|Gamer Caduco|http://gamercaduco.wordpress.com|Histórias de um gamer que está cada vez mais próximo de caducar de vez.§58|Videogames com Cerveja|http://www.vgscomcerveja.com.br|Videogames com Cerveja é um blog sobre games, cujo o principal objetivo é compartilhar experiências "videogamísticas" (tanto na jogatina quanto no colecionismo)! Então não espere encontrar muitas notícias ou reviews detalhados sobre games por aqui!§52|Marvox Brasil|http://marvoxbrasil.wordpress.com|As formas mais variadas do universo dos games e vídeogames em um só lugar. Matérias, detonados, curiosidades, podcasts e vídeo-análises. Leia o Blog MarvoxBrasil e desperte o gamer em você!§47|Arquivos do Woo|http://arquivosdowoo.blogspot.com.br|De tudo um pouco na medida certa.
logo
Vão Jogar! - Um site que aborda a cultura dos videogames com seriedade e bom humor.
Vão Jogar! & TMS criados por Rafael "Tchulanguero" Paes - 2008 ~ 2017
topo rodapé